Trabalho home office, como organiza sua casa para esta modalidade.

Como organizar sua casa para trabalhar home office

Trabalho home office

O home office é uma modalidade de trabalho que já vinha ganhando espaço há algum tempo, e a tendência é que se tornasse muito popular dentro de alguns anos. No entanto, por conta da pandemia do novo coronavírus, esse processo teve de ser adiantado.

Para que pudessem continuar realizando suas atividades, sem prejudicar seu faturamento e evitar demissões em massa, muitas empresas liberaram seus colaboradores para trabalhar em casa.

Tal situação pegou de surpresa tanto as organizações quanto os colaboradores, pois muitos não tinham sequer um local adequado para trabalhar. 

Logo, a tendência é que o trabalho seja pouco produtivo e a qualidade do serviço sofra um declínio.

Para muitos, trabalhar em casa é um sonho realizado, mas para outros, é um tormento por várias razões, a começar pela falta de estrutura necessária e a dificuldade com a rotina completamente diferente.

No entanto, muita coisa vai mudar depois da pandemia e algo que merece destaque é o fato de muitas empresas terem percebido os benefícios do home office, o que pode torná-lo uma modalidade definitiva de trabalho para muitas organizações.

Para se preparar melhor e trabalhar em casa com conforto e produtividade, elaboramos este artigo que traz diversas dicas para você se organizar. Acompanhe!

Como melhorar a produtividade?

Antes de apresentar dicas de como preparar um bom local de trabalho em casa, é essencial falarmos sobre a produtividade.

Isso porque, por mais que o espaço seja perfeito, muitas pessoas têm dificuldade com o home office pelo fato de estarem em nosso lar.

É comum acharmos que trabalhar em casa exija menos formalidade e que devemos nos concentrar mais em aspectos externos, como a elaboração de cartão de visita nutricionista.

Mas a verdade é que, mesmo não estando no habitual ambiente de trabalho, o home office ainda requer certa formalidade por parte do colaborador e organização para lidar com a rotina laboral.

Para equilibrar esse conceito e transformar essa modalidade em algo melhor e mais produtivo, é crucial que o profissional siga algumas dicas, como:

1 – Definir uma rotina

É essencial seguir uma rotina, assim como você fazia quando trabalhava fora. Acorde todo dia no mesmo horário, prepare um bom café da manhã, tome um banho e vista-se para trabalhar.

Claro que não é preciso usar as roupas do escritório (a não ser que você tenha uma reunião para decidir sobre avcb bombeiros ou qualquer outro assunto). Mas procure usar roupas confortáveis e que não sejam pijamas.

Também é importante fazer o horário de almoço como de costume, mesmo que sua família faça em um horário diferente. 

Por exemplo, se na empresa você almoçava ao meio dia, mantenha realize pontualmente sua pausa no mesmo horário durante a semana.

Isso ajudará você a manter a rotina trazida de lá para dentro da sua casa. Explique isso aos seus filhos e cônjuge ou qualquer outra pessoa que more com você. A flexibilidade de todos é muito importante nesse momento.

Além do mais, é essencial iniciar e terminar seu expediente de trabalho no mesmo horário que você fazia na empresa. 

Evite começar a trabalhar mais cedo ou mais tarde, da mesma forma que não é muito adequado encerrar o trabalho antes ou depois do horário que costumava fazer na empresa.

2 – Estabelecer prioridades

No dia a dia de trabalho, sempre há algumas atividades que tomam mais tempo, que são mais urgentes ou são imprevistos inadiáveis. Por isso, é importante realizá-las de acordo com suas prioridades.

Por exemplo, se você trabalha na área administrativa de uma fabricante de balcão caixa para loja, faça primeiro as tarefas que tomam mais tempo. Concentre-se nelas e nas exigências de cada uma.

Depois, vá para aquelas com um prazo mais curto, como um relatório mensal que deve ser entregue até o décimo dia de cada mês. 

Só então siga para as atividades mais simples e que não tomam tempo ou não são muito urgentes.

Quanto aos imprevistos, verifique sua real importância ou se você pode resolver essas pendências em um momento mais tranquilo da semana.

3 – Use uma agenda

Outra dica para melhorar a produtividade do home office é usar uma agenda. 

No escritório existem outras pessoas que não vão deixar você se perder nas atividades, mas em casa, mesmo que você tenha contato com elas, pode acabar esquecendo tarefas importantes.

Marque na agenda as reuniões remotas e qualquer outra atividade que saia da sua rotina. 

Por exemplo, se você precisa cotar preços de gerador de energia portátil para a empresa, coloque na agenda um dia e horário específicos para isso.     

Adapte sua casa para um bom home office

Agora que você já sabe o que precisa fazer para melhorar a sua produtividade, vamos falar um pouco sobre mobílias recomendadas para o seu espaço de trabalho em casa.

Nós sabemos que nem todo mundo tem condições de preparar um espaço ideal, mas é possível providenciar alguns desses itens em lojas de móveis usados na internet, ou até mesmo reutilizando alguns itens da sua casa. De qualquer maneira, você precisa de:

Uma cadeira confortável

As cadeiras são essenciais para trabalhar e produzir bem, afinal, dependendo das atividades do dia, você passará o dia sentado. 

Você pode usar a cadeira da mesa do computador ou até mesmo a da mesa de jantar, mas se possível, adquira uma cadeira ergonômica para cuidar da saúde da sua coluna.

Uma mesa de boa altura

Para organizar seu material de trabalho, bem como alguns itens decorativos como bandeirola com nome da empresa para tornar o ambiente mais confortável, é necessário ter uma boa mesa de trabalho.

Ela deve ter uma altura adequada à cadeira que você estará usando e precisará oferecer um bom espaço para acomodar tudo, como:

  • Telefone;
  • Computador;
  • Papéis;
  • Impressora;
  • Calculadora.

Estes e outros itens devem ser dispostos sobre a mesa para que você possa tê-los em mãos com facilidade, auxiliando sua produtividade.

Montando um espaço perfeito

As dicas abordadas acima são apenas alguns itens que garantem um local de home office adequado, mas existem algumas outras orientações importantes para quem deixou a cabine primária na empresa para trabalhar em casa, e algumas delas são:

1 – Espaço

O lugar físico é importante para que você tenha um bom rendimento. Só que muitos não possuem um espaço exclusivo para trabalhar, no entanto, é possível improvisar.

Para isso, juntamente com uma mesa de altura adequada, providencie uma boa iluminação que não force sua vista e dê um clima mais profissional ao local.

Também é interessante que o ambiente seja o mais silencioso possível, para que não ocorra distrações enquanto você trabalha.

2 – Acesso à internet

Trabalhar em casa é sinônimo de precisar estar conectado o tempo todo. Por isso, é importante que o local do home office tenha uma boa internet.

Verifique o limite de dados que você precisa para a sua função, pois algumas práticas, como as videoconferências para falar sobre os assuntos da empresa – como mudanças de estratégias, moto entrega, por exemplo – vão precisar de muitos dados.

Averigue com a sua operadora quais são as possibilidades de pacote e tenha uma conexão wi-fi para que você possa usar aplicativos no celular e não depender tanto dos cabos.

3 – Computador atualizado

É importante que o seu equipamento esteja atualizado para evitar imprevistos que podem atrapalhar o andamento do seu trabalho. 

Em muitas ocasiões, as empresas estão providenciando essa atualização da parte técnica, mas se este não for o seu caso, é bom pensar nessa questão.

Verifique também se os softwares que sua empresa utiliza estão atualizados, pois deles dependem muitas informações importantes que não podem ser perdidas.

Também analise as condições de equipamentos periféricos como impressoras e scanners. 

Apesar de muito assunto poder ser resolvido por e-mail, como no caso de lojas virtuais de pulseira infantil de ouro, outros dependem de papel e tinta.

4 – Personalize o ambiente

A peça mais importante dentro do home office é o próprio profissional, ou seja, você. Por isso, pense em tudo aquilo que você gosta de ter no escritório e tente recriar em casa.

Um exemplo disso são objetos decorativos como porta-retratos, vasos e quadros. 

Se você também estava acostumado a fazer uma pausa para o cafezinho, não mude este hábito, pois ele tem papel fundamental no seu dia a dia.

Lembre-se também de que você não está de férias, apenas mudou o espaço físico de trabalho. Por isso, siga a dica que demos anteriormente e tenha os mesmos hábitos e horários em casa.

5 – Converse com a família

Por último, converse com sua família sobre esta mudança e explique que você não pode ser interrompido e que apesar de estar em casa, está trabalhando.

A colaboração deles é parte fundamental para que seu lar esteja preparado para essa nova realidade, que pode ser temporária ou se tornar seu novo estilo de vida profissional.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.