Mansões em Munique - Maior cidade do estado e a 3ª maior da Alemanha.

Mansões em Munique

Mansões em Munique

A maior cidade do estado e a terceira maior da Alemanha, depois de Berlim e Hamburgo.

Mansões em Munique –  Munique é a capital do estado da Baviera e com cerca de 1,46 milhões de habitantes é a maior cidade do estado e a terceira maior da Alemanha, depois de Berlim e Hamburgo. Munique é o lar de muitos entes nacionais e internacionais; bem como de grandes universidades. É uma metrópole que cresce muito rapidamente e hospeda muitas empresas multinacionais. É o segundo centro financeiro da Alemanha, depois de Frankfurt, e também um dos mais importantes centros financeiros do mundo.

O centro da cidade é muito verde e é onde se encontra o Englischer Garten. A proximidade com os Alpes e com os lagos de Starnberg, Ammersee Chiemsee (lugares muito interessantes para procurar por imóveis de luxo) fazem de Munique um lugar atraente para se viver. Os imóveis de alto padrão em Munique e seus arredores atraem muitos compradores. Particularmente interessantes são os luxuosos bairros de Nymphenburg,

Neuhausen, Schwabing, Lehel, o bairro nobre de Bogenhausen, com muitas mansões, e também Untergiesing. Grünwald, no vale do rio Isar, ao sul de Munique, é uma das áreas residenciais mais exclusivas da Alemanha, lá ficam diversas mansões de luxo e prestigiosos apartamentos em prédios antigos e também em novas construções. Em primeiro lugar neste ranking dos bairros mais exclusivos de Munique está Lehel: antigamente era um distrito suburbano e pobre; mas hoje brilha com o Museumsmeile; Englischer Garten e muitos outros lugares interessantes.

Munique, capital da Bavária, abriga prédios centenários e inúmeros museus. A cidade é conhecida pela celebração anual Oktoberfest e pelas cervejarias, inclusive a famosa Hofbräuhaus, fundada em 1589. Na Altstadt (Cidade Velha), a praça central Marienplatz contém pontos turísticos como o Neues Rathaus (paço municipal) neogótico com um famoso espetáculo de glockenspiel que ressoa e reencena histórias do século 16.

Fonte: Google