• Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena
  • Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena
  • Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena
  • Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena
  • Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena
  • Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena
  • Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena
  • Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena
  • Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena
  • Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena
  • Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena
  • Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena

Código do Imóvel : MU90885

Buritis, Rua J L Eduardo Lobo R$ 580.000,00 - Casas
150 m² 3 Quartos 4 Banheiros 1 Garage
 
 Adicionar aos favoritos
Imprimir

Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena

Casa à venda no Condomínio Residencial dos Buritis

Casa contemporânea com 4 suítes à venda em Vargem Pequena – Excelente casa duplex com projeto super moderno no estilo contemporâneo com lazer na frente:

– 1º pavimento: uma ampla sala em dois ambientes com piso em porcelanato e ar condicionado central, com uma linda decoração com jardim de inverno, lavabo decorado, cozinha com bancadas em granito preto com coifa embutida e fogão cooktop, área de serviço com dependência completa.

– 2º pavimento: quatro suítes com a máster com varanda. espaço gourmet com churrasqueira moderna e bancada.

– Vagas para um carro.

Você conhece Vargem Pequena?

Localizada na Baixada de Jacarepaguá, Vargem Pequena compreende as planícies alagadiças dos campos de Sernambetiba, cortadas pelos canais do Portelo e do Cortado. O bairro estende-se até o Maciço da Pedra Branca, no trecho denominado Serra Alto do Peri e Sacarrão, e abrange a Pedra de Ubaeté, ou Calembá, cuja encosta norte é ocupada pela pedreira Ibrata, cuja autorização de funcionamento data de 1 de março de 1973, em área com mais de 50 hectares.

A região era parte da enorme sesmaria de Gonçalo Correia de Sá, proprietário do Engenho do Camorim, dado a sua filha D. Vitória de Sá, em 1625, e, como dote, a seu marido Dom Luiz de Céspedes (governador geral do Paraguai), em 1628. Com a morte de D. Vitória, em 1667, a propriedade seria deixada para os Monges Beneditinos que dividiram o Engenho do Camorim, criando a fazenda de Vargem Pequena. Em 1776, o Padre Frei Gaspar de Madre de Deus construiu a igreja de N. Sra. do Pilar, atual N. Sra. de Monte Serrat, tombada pelo Patrimonio Histórico e Artístico, no alto de elevação com bela vista da planície vizinha.

Em 1678, Frei Bernardo de São Bento, monge-arquiteto do Mosteiro de São Bento, traçou a primeira estrada de acesso da região, a Estrada Velha do Engenho, que interligava as propriedades dos Beneditinos. Essa estrada teria os nomes de Pavuna, Curicica e de Guaratiba e hoje corresponde a Estrada dos Bandeirantes. Em 1710, o corsário Duclerc passsaria pela estrada aberta pelos beneditinos com seus soldados para atacar a cidade do Rio de Janeiro.

Durante dois séculos os beneditinos exploraram a região com a criação de gado, cultivo da mandioca e preparo da farinha, coadjuvantes do cultivo da cana-de-açúcar. Com o surgimento do ciclo do café, sítios e chácaras passaram a cultivá-lo intensamente. Em Vargem Pequena se concentrava uma pequena população, composta de sitiantes dos Beneditinos, cuja produção se comprometia com a Ordem, sediada no centro da cidade.

Localização

Imóveis Similares