Rede Hoteleira Cresce no Rio de Janeiro | Muller Imóveis RJ

Rede Hoteleira Cresce no Rio de Janeiro

Rede Hoteleira Cresce no Rio de Janeiro

Rede Hoteleira Cresce no Rio de Janeiro

Ocupação hoteleira no Rio chega aos 76% nos primeiros meses

Rede Hoteleira Cresce no Rio de Janeiro o ano de 2019 está sendo bastante positivo para o turismo da cidade do Rio de Janeiro. De acordo com dados divulgados pela Hotéis Rio nos primeiros quatro meses a ocupação alcançou 76,12%, superando os 57,98% de igual período em 2018. No interior, os números também chamam atenção com médias superiores à 58%, comprovando o potencial turístico dos municípios.

Para o Secretário de Estado de Turismo do Rio, Otavio Leite, esse é o resultado de um trabalho que vem sendo realizado em conjunto com o governo, trade e empresas privadas. O objetivo é apresentar o Estado para atrair cada vez mais os visitantes nacionais e internacionais.

“Os números são muito positivos e revelam que o RJ está virando o jogo. Vamos intensificar a promoção dos nossos destinos, em parceria com o setor privado, para ampliarmos a quantidade de turistas de lazer e negócios. (aí compreendido a captação de eventos, congressos e feiras)”.

Segundo a Hotéis Rio, as taxas de ocupação dos seus associados neste ano foram de 79,6%, em janeiro; 74,2%, em fevereiro; 90,66%, em março; e 60%, em abril. Os números superam os resultados obtidos nos mesmos meses do ano anterior, quando ficaram em 72%, 66%, 48,8% e 44,5%, respectivamente. Já no interior do Estado, a ocupação foi de 68,28% em janeiro; 51,86% em fevereiro e 55,34% em março.

A ocupação hoteleira no Rio de Janeiro teve um aumento de nove pontos percentuais entre 7 e 13 de janeiro, em comparação com mesmo período em 2018, revelou pesquisa do Sindhotéis-RJ.

A média de ocupação da cidade foi de 76%, sendo Copacabana-Leme a região com melhor desempenho tendo 83% de quartos preenchidos. Ipanema-Leblon ocupam o segundo lugar com 78% dos hotéis ocupados; o terceiro lugar foi da Barra com 77%; seguida por Flamengo-Botafogo com 66%; e o centro fechando com 58%.

O estudo também revela que 21% dos quartos foram ocupados por estrangeiros. Os principais países visitantes são: Argentina, Chile, Estados Unidos, Colômbia, Peru e Uruguai os principais visitantes. Já o Brasil respondeu por 79% dessa totalidade.

Fonte: https://www.panrotas.com.br/hotelaria/mercado/2019/01/rio-de-janeiro-comeca-2019-com-76-de-ocupacao-hoteleira_161722.html